∞/21M
₿LOCO:
Loading...

Mercado Satoshi

21 Questões com Padrin

₿LOCO 808,322

Redes Sociais

Intro

Padrin é um dos membros mais sábios da Bolha Bitcoin, uma espécie de Mestres dos Magos, porém com muito mais frequência. Vem contribuindo demais com sua sabedoria acerca da vida e do Bitcoin.

1. Quando e como você conheceu o Bitcoin?

A primeira vez que ouvi falar em Bitcoin foi em 2011 para 2012, mas infelizmente não me aprofundei. Em 2016 um amigo comentou, muito superficial, e novamente não dei bola. Em 2021, na ganância, comecei a negociar cripto e estudar Bitcoin. Só depois que levei um golpe e passei a conhecer os bitcoinheiros tomei vergonha na cara e virei homem.

2. Qual é a função mais importante do Bitcoin?

Preservar o valor do trabalho, perante o tempo e a maldade dos políticos que acabam diluindo através da impressão ilimitada de “dinheiro”.

3. E Por que Bitcoin? De verdade, sem termos técnicos.

Por que não ? Porque não confiar em algo que é ingovernável, inconfiscável e auditável por qualquer pessoa.

4. De que forma o Bitcoin mudou você? Quais os valores que te levaram à toca do coelho?

Me fez ter mais fé na poupança, construída por Bitcoin é claro. Bitcoin mostra a verdade em tudo e em todos.

5. Quais são os Bitcoinheiros que você mais admira?

Gosto muito de todos os Bitcoinheiros. Deixando bem claro: Bitcoinheiros e não bitcoiners, bitcornos ou bitcolors.

6. Quem é Satoshi Nakamoto?

É um segundo enviado de Deus para salvar seu povo da escravidão.

7. Qual a frase sobre o Bitcoin que você mais curte?

Um bitcoin é igual a um bitcoin.

8. Quais são os maiores obstáculos para a ampla adoção do Bitcoin? A hiperbitcoinização é inevitável?

No Brasil é a baixa escolaridade e a falta de responsabilidade. O brasileiro médio gosta de terceirizar suas responsabilidades, inclusive com a família. Ter Bitcoin é ser responsável pela sua vida, suas finanças e sua família. Não existe Bitcoin sem autocustódia. Bitcoin é inevitável porque o Estado é um ser insaciável, ele sempre vai querer mais seu sangue e o suor do seu trabalho.

9. Em 2140 é esperado que o último satoshi seja minerado, qual mensagem você deixaria para esse evento futuro? 

Espero que todos estejam livres, desfrutando de uma boa qualidade de vida e que o valor do trabalho esteja preservado.

10. Até onde você iria nessa jornada do Bitcoin, onde seria o seu limite?

Missão dada é missão cumprida. Eu não coloco limite, pois eu sou o meu maior inimigo nessa jornada.

11. Você se considera um evangelizador do Bitcoin? Se sim, consideraria ser um cavalo de tróia pra espalhar a palavra?

Não me considero evangelizador, sou um Plebe que conversa com as pessoas e tenta retribuir todo o conhecimento que me foi repassado gratuitamente pelos bitcoinheiros.

12. Qual a relevância dos movimentos adjacentes do Bitcoin? (Ex: Maximalismo, Dieta carnívora, Jesus Cristo, Conservadorismo, Armas, Red Pill, Imperativo moral e afins.)

São válidos, desde que a essência não seja alterada.

13. Como TANKAR o mundo FIAT após entender o Bitcoin?

Não pensar muito, só focar no que interessa. A gente deve se preocupar com aquilo que dependa estritamente da gente.

14. A quem você daria a Pílula Laranja?

Para todas as pessoas que comungam dos mesmos valores morais que eu.

15. Quais são os meios mais práticos para se educar sobre Bitcoin?

A dor, pois existem dois tipos de dor: A dor que machuca é a dor que transforma. Quando uma pessoa sente a dor da transformação, ela muda e evolui.

16. Cite pelo menos 1 livro que te influenciou sobre Bitcoin? E indique mais 1.

Mais esperto que o Diabo e eu indicaria O Padrão Bitcoin.

17. Qual o projeto social mais interessante que você conhece sobre Bitcoin?

A Bolha Bitcoin e os Bitcoinheiros.

18. Você investiria no Legacy (Renda Fixa ou Variável) ou shitcoins, para posteriormente acumular mais Bitcoin?

Depois dos golpes que levei, jamais. A ganância é uma armadilha muito eficaz para destruir sonhos e riqueza.

19. Sobre El Salvador, você é Bullish ou Bearish? Por que?

Sou bullish, pois seria muito contraditório acreditar em uma hiperbitcoinização e não acreditar que um país posso ter sua economia lastreada em Bitcoin.

20. Quando você teve 100% de certeza que o Bitcoin seria algo que mudaria a história da humanidade?

Quando eu verifiquei todas as características de seguranças que o Bitcoin proporciona. Ainda, trouxe a esperança de poder poupar e ver o valor do seu trabalho ser preservado.

21. Qual sua opinião sobre os Bitcoinheiros que viraram a casaca para o mundo Cripto? Qual a shitcoin que você mais odeia? Qual o detrator do Bitcoin que você gostaria de mandar tomar ”naquele lugar”?

Não tenho opinião, pois cada um sabe o que melhor para sua vida. Odeio todas, mas creio que o ETH vai causar muito choro e ranger de dentes. Sobre os detratores, uma hora a gente se encontra, pois até as pedras se encontram.